Temporais | Sul do Brasil Sofre com a Força dos Ventos.

caminhão tombado pelo vento em Caxias do Sul-RS
  Quem acompanha o tempo no Brasil e o faz atentamente percebe acentuadas mudanças no comportamento do nosso clima e também do tempo. Hoje nos deparamos com realidades climáticas que não eram comuns em outras épocas como ciclones e tornados ocorrendo com grande constâncias nas pequenas cidades do Sul do País. São fenômenos que tem ocorrido nos períodos chuvosos e tem provocado baixas temperaturas em algumas regiões e ocasionando fortes rajadas de vento, tornados, ciclones, queda de granizo e chuvas em volumes não esperados. O resultado desta equação tem sido perdas materiais e várias famílias ficam desabrigadas ou por causa das enchentes ou pela destruição das suas casas.
  Não é algo que as autoridades brasileiras estejam preparadas para lidar, afinal o Brasil não possui tradição em lidar com tais fenômenos, além disso eles costumam ocorrer com maior frequência nas áreas rurais e os estragos causados nos grandes centros urbanos são mínimos se comparados com a devastação deixada nas pequenas cidades do interior. Infelizmente nossas autoridades buscam sempre os meios paliativos esquecendo os métodos preventivos, onde todas estas perdas poderiam ser amenizadas. No País verde e amarelo a meteorologia não é levada á sério, exceto para avisar aos que pretendem ir á praia que haverá ou não sol. Em Países como os Estados Unidos, alguns da América Latina e os Europeus, as questões climáticas são levadas muito á sério afim de prevenir a população dos efeitos destruidores de possíveis eventos climáticos em suas regiões.
  No Brasil espera-se que primeiro o evento torne-se notícia através das grandes mídias e logo após emite-se uma nota dizendo que as autoridades estão providenciando isto ou aquilo. 

 
Postes caídos arrancados pela força dos ventos - Caxias do Sul - RS

   Não me agrada tecer críticas ás autoridades, mas infelizmente o que vemos são as populações das pequenas cidades do interior do Sul do Brasil sofrendo após perder seus bens que levaram anos para conquistar, sua dignidade de ter uma morada e até mesmo perderem a vida por falta de instruções e planejamento preventivo. Regiões que são anualmente afetadas por fenômenos do tempo e do clima e que tem seus lares destruídos, suas vidas tiradas e seus sonhos levado embora poderiam ter melhor assistência das autoridades, não só no sentido de providencias víveres, abrigo e água, mas também de criar meios de prevenir quanto a chegada destes fenômenos. Precisamos no Brasil adquirir o hábito de  levar a meteorologia mais a sério, não só os populares, mas principalmente o Governo.

  Texto do Escritor e Autor Tony Casanova. Todos os Direitos Reservados e garantidos pelas Leis Nacionais e Internacionais de Proteção aos Direitos de Propriedade Intelectual. Proibida a cópia, colagem, reprodução ou divulgação de qualquer natureza, do todo ou parte dele, independente dos meios ou fins. A violação destes Direitos constitui-se crime e está passiva das punições legais cabíveis. 
Saiba mais do autor NESTE LINK
...............................................................................................................................................